BrazilFoundation reúne lideranças sociais de todo o país com o objetivo de potencializar suas ações

 

O encontro que nos fortalece para o ano inteiro. Reunimos em São Paulo 55 lideranças sociais de vários estados do Brasil para o nosso Encontro Anual de Lideranças, junto com parceiros, doadores, equipe e apoiadores da BrazilFoundation. Além de representar as organizações que apoiamos este ano, essa rede de atores sociais representa também a diversidade e força de um país que enfrenta muitos desafios, mas que está trabalhando para transformar ideias e ações em oportunidades.

Começamos com um Coquetel na Goldman Sachs e uma Cerimônia de Apresentação das Organizações de 2018. Este é um momento em que fazemos a ponte entre nossos parceiros e as ações que eles apoiam, e o resultado é uma conexão que impulsiona ainda mais esse trabalho, feito por muitos. “Absolutamente obrigada por tantas trocas positivas. Chego com a mente pipocando boas ideias e o coração engrandecido de conhecer esse mundo de gente boa.” – Layla Barreto, do DoarEduca de Minas Gerais.

Os quatro dias foram de muita troca e aprendizado, e uniu atividades com a equipe da BrazilFoundation, que possibilitaram o reconhecimento de desafios e soluções em comum entre as organizações; a palestra de Paulo Haus, da Funperj, que falou sobre dificuldades e aspectos importantes da Legislação do Terceiro Setor; e a participação no Festival ABCR, com palestras de especialista do mundo todo sobre os diversos processos, etapas e melhores estratégias para captação de recursos. “Saio daqui reanimado e desafiado”, compartilha Syl Farney, da Associação Vida Plena de Mesquita, do Rio de Janeiro.

Durante o evento, uma grande surpresa: fomos reconhecidos pela ABCR como Organização do Ano pela Campanha {Abrace o Brasil}, que ano passado mobilizou mais de 4000 doadores em 13 países arrecadando recursos para 100 iniciativas sociais de todo o Brasil – uma conquista de toda essa rede de mobilização que ajudou a arrecadar R$ 1,2 milhão.

Voltamos com a certeza de que em cada canto do Brasil as soluções para os enormes obstáculos estão sendo construídas. E, em rede, elas podem ser fortalecidas e compartilhadas. Agradecemos o trabalho, a colaboração e dedicação de cada um que torna tudo isso possível, em especial a todas as lideranças presentes, ABCR – Associação Brasileira de Captadores de Recursos, EM Fund, Francesconi Tisch Fund, Goldman Sachs, Hees Foundation, Itaú Social, Vivo à Beira, e nossos Comitê de Minas Gerais e de São Paulo.

Volto com a cabeça transformada e espero levar essa transformação para onde for.” Sergio Aires, Minha Jampa