Articulação e cooperação entre coletivos de comunicação comunitária de periferias do Rio de Janeiro e de São Paulo

 
Sete jovens que integram o Jornal Embarque no Direito, de São Paulo, estiveram no Rio de Janeiro para conhecer outros coletivos de comunicação comunitária. O motivo? Experimentar uma troca enriquecedora levando em consideração o potencial oferecido pela diversidade e semelhança de contextos, temáticas, públicos e modos de fazer de cada um – e é esse o objetivo do Programa e Intercâmbio da BrazilFoundation, que viabilizou esse encontro.

Os jovens dialogaram e trocaram metodologias com o Coletivo Marginal, da Cidade de Deus, e o Jornal Fala Roça, da Rocinha, organizações da rede da BrazilFoundation, além do Jornal CDD Acontece, também da Cidade de Deus. O encontro teve o intuito de expandir o repertório dos jovens editores do jornal, ampliar e fortalecer redes de apoio e cooperação com meios de comunicação de favelas e periferias que estejam em contextos similares de necessidade mas com outros conhecimentos e práticas, além de abrir um canal de colaboração para o fortalecimento de suas atuações.

O que nos motivou a ir para o Rio realizar esse intercâmbio foi a ideia de entrar em contato com outros lugares, outros territórios e entender como as iniciativas de comunicação que realizam um trabalho parecido com o nosso informam, conscientizam, educam, e transformam os meios em que vivem dentro de uma realidade tão diferente da nossa”, conta Rebeca Motta, uma das jovens que integram o Embarque no Direito

As visitas possibilitaram assimilar novos modelos e estratégias de produção e distribuição de conteúdo para além do impresso, pensar modelos de construção comunitária para envolver moradoras e moradores, refletir os novos caminhos de distribuição a partir das redes sociais, estratégias de sustentabilidade financeira para jornal impresso e de relacionamento com organizações sociais e outros espaços no território. Para completar e encontro, a liderança do Coletivo Marginal irá a São Paulo num mesmo movimento de conhecer as metodologias e práticas.

O Programa de Intercâmbio visa promover um ambiente de troca de conhecimentos, habilidades e competências, e metodologias em um ambiente de aprendizagem entre pares, onde talentos e expertises de cada liderança podem contribuir direta e eficazmente para a solução de questões específicas ou aprendizagem de metodologias complementares.

Conhecer a CDD e a Rocinha me mostraram outro Rio. Totalmente diferente do que construíram em mim. Acredito que cada projeto tem seu papel transformador, entregam e recebem pro mundo coisas diferentes e são impactados de igual modo. Podemos aprender como ressignificar as coisas e continuar, acima de tudo”, ressalta Rebeca.

O Embarque no Direito é um jornal impresso gratuito que busca traduzir e territorializar os direitos de quem mora nas periferias da zona sul de São Paulo. Com tiragem de 15 mil exemplares e conteúdo produzido por jovens da região, a distribuição começa a partir das 5h30 nos transportes públicos, gerando trabalho e renda para as juventudes locais.

Na CDD, o Coletivo Marginal fortalece uma rede comunitária jovem que busca no território as potências e soluções para sua transformação. Atua com formação política, desenvolvimento local e comunicação crítica e criativa. O Fala Roça é um jornal comunitário, impresso e online, produzido por jovens da Rocinha. Com uma tiragem de 5 mil exemplares, é entregue desde 2012 gratuitamente de porta em porta.